Projectos em Coimbra - Notícias, updates, imagens

Para tópicos relacionados com fotografia.
Avatar do Utilizador
banjix
Lendário
Lendário
Mensagens: 1635
Registado: quinta-feira, 23 fevereiro 2006 17:28

Mensagem por banjix »

Isto da realidade virtual é tudo muito bonito, mas... Isto é para ir mesmo para a frente ou é daquelas coisas que nunca vai passar do virtual? É que se isto for mesmo para ir para a frente vai ficar com grande pinta!

Avatar do Utilizador
carlacs
Veterano
Veterano
Mensagens: 838
Registado: sexta-feira, 30 setembro 2005 11:32

Mensagem por carlacs »

Imagem

as duas pontezitas :) Bem devo dizer que o ritmo das obras perto da ponte pedonal está bastante bom, talvez as piscinas estejam mesmo prontas a tempo este Verão...

DaniFR
Lendário
Lendário
Mensagens: 1427
Registado: segunda-feira, 01 outubro 2007 21:41

Mensagem por DaniFR »

Já algum tempo que nao para essa zona, mas no outro dia quando ia a passar na ponte de santa clara reparei que tinham feito esse canal.
Parece estar fixe e com essa ponte ainda melhor. :)

Aguem consegue arranjar mais fotos :?:

daniel322
Lendário
Lendário
Mensagens: 3525
Registado: quarta-feira, 21 junho 2006 18:25

Mensagem por daniel322 »

tens aqui uma:
lourenço Escreveu:Imagem
retirada daqui

Avatar do Utilizador
Lino
Mítico
Mítico
Mensagens: 8083
Registado: quinta-feira, 14 abril 2005 3:54

Mensagem por Lino »

Aquilo com a envolvente em relva e demais arranjos fica um espaço fantástico!!
A água parece ser a bombeada de Santa Clara-a-Velha não é?

DaniFR
Lendário
Lendário
Mensagens: 1427
Registado: segunda-feira, 01 outubro 2007 21:41

Mensagem por DaniFR »

Obrigado pela foto.
Está a ficar muito fixe.
Quando estiver tudo pronto vai ficar uma zona muito boa.

:wink:

daniel322
Lendário
Lendário
Mensagens: 3525
Registado: quarta-feira, 21 junho 2006 18:25

Mensagem por daniel322 »

Lino Escreveu:A água parece ser a bombeada de Santa Clara-a-Velha não é?
a principio era, mas agora acho que fizeram uma pequena ilha.. ou seja, onde costumava ser o fundo recinto da queima (estava lá o inem) pareceu-me que tinha tb um canal que ligava a este principal

Avatar do Utilizador
Lino
Mítico
Mítico
Mensagens: 8083
Registado: quinta-feira, 14 abril 2005 3:54

Mensagem por Lino »

Espero é que ponham lá grades, ou ainda vai haver desgraça na Queima por causa do álcool... :p

wazdriak
Regular
Regular
Mensagens: 169
Registado: segunda-feira, 27 agosto 2007 15:02

Mensagem por wazdriak »

A culpa não é do álcool... mas sim das pessoas. Ou quando uma pessoa é apanhada a 250 km/h na estrada a culpa é do carro? Isso do álcool ser desculpa para maus comportamentos é típico de pessoas... enfim, fiquemos por aqui.

Avatar do Utilizador
{mineirinha}
Lendário
Lendário
Mensagens: 2443
Registado: segunda-feira, 03 janeiro 2005 20:33

Mensagem por {mineirinha} »

Sim,fiquemos por aqui pois o topico é sobre projectos em Coimbra e não sobre o alcool a mais ou a menos.

DaniFR
Lendário
Lendário
Mensagens: 1427
Registado: segunda-feira, 01 outubro 2007 21:41

Mensagem por DaniFR »

COIMBRA
Estação ficará ligeiramente a Norte
Em Dezembro de 2005, os conimbricenses ouviam da boca do presidente da Rave/Refer, Luís Pardal, que para se apanhar o comboio de Alta Velocidade teriam de fazer 32 quilómetros.

Ou seja, na estação de Coimbra/B, existiria um comboio que circularia em bitola ibérica até às imediações de Soure onde seria construída uma estação onde pararia a carruagem da linha de Alta Velocidade (AV). Tudo porque os responsáveis da REFER se terão esquecido, quando projectaram a modernização da estação de Coimbra, de arranjar espaço, na sua plataforma, para mais duas linhas de bitola europeia. Rui Rodrigues, num estudo publicado na Internet sobre a exclusão de Coimbra e Aveiro da AV, acusava os responsáveis da Rave de falta de planeamento cuidado. Se o tivessem feito, como frisou no documento, “o acesso a uma das maiores cidades de Portugal processar-se-ia de uma forma directa e sem recorrer à opção do duplo eixo”. O que é certo é que, poucos dias depois, a secretária de Estado Ana Paula Vitorino, traçava prioridades para o projecto. Numa delas, era dito que seria necessário aprofundar estudos que permitissem articular “a Rede de Alta Velocidade (RAVE) com a rede ferroviária convencional nas estações intermédias”.
Ano e meio depois, é feita a apresentação do modelo de negócio da RAVE. Nessa sessão, foi apontado como um desenvolvimento importante a decisão da localização das várias estações intermédias, onde Coimbra se incluía. Foi então que o ministro Mário Lino revelou que a decisão tinha passado pela sua localização na zona de Coimbra/B. Ou, se quisermos ser mais precisos, ligeiramente a Norte da actual Estação Velha. A nova localização permitirá assim a integração do Metro Mondego, sistema convencional e a RAVE.
O ministro das Obras Públicas, Mário Lino, referiu mesmo na Assembleia da República que, em relação ao Orçamento de 2008, a RAVE era uma das mais importantes linhas de actuação do seu ministério. Por isso mesmo, “já tinham sido realizados os estudos técnicos que suportaram as definições da ligação Lisboa-Porto, sendo de destacar a localização da estação central do Porto em Campanhã e a de Coimbra junto a Coimbra/B”. Desde então, e segundo informações obtidas pelo DIÁRIO AS BEIRAS, a forma como as carruagens chegarão a Coimbra ainda está a ser estudada e alvo de muita discussão por parte dos técnicos. O que é certo é que, recentemente, o semanário Campeão das Províncias apontava como forte hipótese de entrada do TGV na cidade um túnel a construir sob o Planalto de Santa Clara. Da RAVE, o silêncio parece ser de ouro, enquanto do lado da autarquia, o vice-presidente João Rebelo aguarda a entrega da solução final do traçado onde se inclui Coimbra. Ao que tudo indica, a questão tem sido bastante debatida, sendo de aguardar para os próximos meses novidades neste assunto em particular.
As Beiras

daniel322
Lendário
Lendário
Mensagens: 3525
Registado: quarta-feira, 21 junho 2006 18:25

Mensagem por daniel322 »

segundo ouvi há uns tempos a nova localização da estação coincide aproximadamente com a localização da antiga fábrica da cerveja

Avatar do Utilizador
userN
Lendário
Lendário
Mensagens: 1264
Registado: terça-feira, 05 fevereiro 2008 11:12

Mensagem por userN »

era bom, reabilitava a zona.
mas sem € não há projectos desses :roll:
entendera-me suponho...

daniel322
Lendário
Lendário
Mensagens: 3525
Registado: quarta-feira, 21 junho 2006 18:25

Mensagem por daniel322 »

A Refer tem os bolsos largos....

daniel322
Lendário
Lendário
Mensagens: 3525
Registado: quarta-feira, 21 junho 2006 18:25

Mensagem por daniel322 »

Aprovada a recuperação da Torre de Anto

O novo projecto de execução para a recuperação da Torre de Anto foi aprovado por unanimidade na última reunião do executivo municipal.

São duas as acções complementares que a autarquia teve em conta no projecto que foi aprovado pela autarquia.
Uma delas está ligada directamente à recuperação da torre e à sua reafectação para um novo uso, de forma a integrar o museu polinucleado da cidade. Neste âmbito, foram várias as funções tidas em conta na intervenção que ali irá ser realizada.
O Museu da Guitarra ou do Fado de Coimbra, recolhendo o espólio doado à autarquia pelo Mestre Carlos Paredes; um espaço genérico para visitas e descoberta do panorama e um espaço na sala inferior para acolher pequenas exposições ou instalações são as propostas para a futura utilização do edifício.
A segunda acção assenta na reabilitação do acesso à base da muralha e por aí estabelecer um percurso pedonal que, passando por Sub–Ripas, ligue à “casa de fresco”, recentemente posta a descoberto no pátio da Escola EB 1 da Almedina e daí ao núcleo museológico da cidade, situado na porta/torre medieval de Almedina. Isso permitirá, segundo a proposta, inserir a Torre de Anto no circuito turístico da cidade, nomeadamente na redescoberta dos traçados da muralha medieval.
A intervenção na torre, estimada em 422 mil euros, assenta na hipótese do restauro das estruturas. Isto apesar da degradação do imóvel, classificado como Monumento Nacional, ir obrigar a efectuar nos quatro pisos reconstruções significativas.
fonte