Metro Mondego

Para conversar e discutir temas relacionados com Coimbra
Avatar do Utilizador
ShichiAkaAkuma
Veterano
Veterano
Mensagens: 798
Registado: domingo, 21 novembro 2004 16:35

Mensagem por ShichiAkaAkuma »

Mas estas bestas avançam sabendo que seria anulado em Maio sem as assinaturas das duas câmaras??? :doh:

Dracula
Experiente
Experiente
Mensagens: 273
Registado: segunda-feira, 28 março 2005 12:17

Mensagem por Dracula »

Bem..pelos vistos..Não avançam os m* do governo, avança a câmara:

Coimbra quer avançar com eléctrico rápido :clap:

Avatar do Utilizador
Lino
Mítico
Mítico
Mensagens: 8082
Registado: quinta-feira, 14 abril 2005 3:54

Mensagem por Lino »

Epá, se Coimbra avança os outros também e o governo vê com que se mete. Já com o Metro do Porto faz porcaria, eles querem exclusividade pa Lx ou quê? :evil:

Avatar do Utilizador
{mineirinha}
Lendário
Lendário
Mensagens: 2443
Registado: segunda-feira, 03 janeiro 2005 20:33

Mensagem por {mineirinha} »

Não concordo com o metro mondego.
Acho que iria tirar tudo o que a cidade ainda tem de encantador e iria destruir uma boa parte das suas maravilhas.
Eu gosto da cidade como ela é, com os transportes assim.
Tipo,vai-se muito bem a pé para qualquer sitio e os autocarros até nem são assim tão maus e estão a melhorar.
Depois parece que querem fazer concorrencia com lisboa e porto, como ja foi dito, que querem estar à altura e isso para mim não é nada.
Acho a cidade bela,com as coisas q tem.
Mas isto é a minha opinião. :wink:

Avatar do Utilizador
mustiness
Lendário
Lendário
Mensagens: 1638
Registado: sexta-feira, 25 fevereiro 2005 1:07

Mensagem por mustiness »

Nao, nos temos um optimo sistema de transportes mesmo, tirando os meses de férias... Autocarros em optimas condiçoes, carreiras regulares, percursos que cobrem a cidade relativamente bem, paragens regulares e sobretudo motoristas simpáticos que esperam pelas pessoas. Ok, por vezes atrasam-se, mas dou me muito feliz pelo nosso sistema de transportes!

Avatar do Utilizador
freejoin
Experiente
Experiente
Mensagens: 281
Registado: sábado, 15 outubro 2005 12:44

Mensagem por freejoin »

E por vezes há outros que não esperam xD
De qualquer maneira, só não concordo com o percurso do 38. de resto acho que os SMTUC não estão nada mal!

Sys7eM
Experiente
Experiente
Mensagens: 203
Registado: sábado, 13 novembro 2004 15:32

Mensagem por Sys7eM »

mustiness Escreveu:Nao, nos temos um optimo sistema de transportes mesmo, tirando os meses de férias... Autocarros em optimas condiçoes, carreiras regulares, percursos que cobrem a cidade relativamente bem, paragens regulares e sobretudo motoristas simpáticos que esperam pelas pessoas. Ok, por vezes atrasam-se, mas dou me muito feliz pelo nosso sistema de transportes!
Não é bem assim, ou melhor, não é assim para todo lado. Mas concordo que temos bons autocarro, que agora até vêm equipados (alguns) com TFT's a passar imagens da cidade, classificados e regras de segurança.

Quanto ao metro concordo com ele, pois Coimbra deve preservar o bom que tem, mas não deve ficar agarrada ao passado. Deve-se modernizar, e o metro se for bem planeado vai permitir uma melhor qualidade de vida dos cidadãos sem descaracterizar muito a cidade- :wink:

Avatar do Utilizador
mustiness
Lendário
Lendário
Mensagens: 1638
Registado: sexta-feira, 25 fevereiro 2005 1:07

Mensagem por mustiness »

Eu disse isto fazendo a comparação com cidades bastante maiores que têm um sistema de transportes urbanos semelhante. Normalmente em vez de terem 20 autocarros têm 100, mas os horários, a cobertura e distancia das paragens é semelhante. E, pelo menos em Barcelona, os condutores são de uma antipatia extrema. Nunca vi um condutor esperar por quem quer que fosse.. Alias, eu acho que quando eles vêem alguem correr, fecham as portas mais depressa e aceleram e praticamente entalam as pessoas nas portas, à entrada. :roll:

Avatar do Utilizador
Lino
Mítico
Mítico
Mensagens: 8082
Registado: quinta-feira, 14 abril 2005 3:54

Mensagem por Lino »

O metro é essencial para atravessar a cidade nas manhãs de tráfego em que demoro mais de meia hora a ir de bus da Casa do Sal ao Estádio e tenho que esperar uma eternidade por autocarros. E a partir da hora do jantar apanhar um é um milagre. E devia haver à noite, pelo menos de hora em hora...
O metro é essencial para a cidade e região, não um luxo do município... deve haver melhores ligações entre Coimbra e os outros concelhos limítrofes. UMa ligação de ponta a ponta na cidade daria jeito a muita gente. O trânsito é um caos, mas tb podiam usar a Ecovia, que até tem boas condições de uso.

Coimmy
Estreante
Estreante
Mensagens: 2
Registado: domingo, 05 dezembro 2004 3:32

O "Metro"

Mensagem por Coimmy »

Olá. O Eléctrico é essencial para toda a zona urbana de Coimbra, incluindo nesta os munícipios de Lousã e Miranda do Corvo.

Nós, que vivemos no centro da cidade, por vezes esquecemo-nos das dificuldades que a população desses dois concelhos tem para entrar e sair de Coimbra todos os dias, de manhã e à tarde.

Nós, que poderiamos estar hoje com uma região mais coesa e forte, se tivessemos alguém com poder político -E O USASSE- numa estratégia de reivindicação de um investimento que é um verdadeiro modelo de desenvolvimento e uma catapulta para a auto-estima da cidade.

Em Aveiro, todas as sedes de concelho estão ligadas por auto-estrada, o que facilita a centralização de serviços na capital de distrito.

Em Coimbra, a estrada mais usada é há quase um século a Estrada da Beira, que tem uma faixa de cada lado, curvas e contra-curvas e não constitui por si só uma ligação DIRECTA entre qualquer dos municípios por onde passa. A população da região tem poucas condições para viver na periferia e trabalhar no centro, e isso meus caros, é um obstáculo enorme ao desenvolvimento de Coimbra-região.

Dentro de algumas décadas, Coimbra não terá muito mais espaço para crescer dentro do seu próprio município. Para onde vamos viver? Vamos crescer em altura? E a poluição "cá em baixo" ? o Metro resolve esse problema também, visto que não só não afecta a qualidade do ar como também não faz barulho nenhum.

MAS HÁ DÚVIDAS?!

Avatar do Utilizador
Lino
Mítico
Mítico
Mensagens: 8082
Registado: quinta-feira, 14 abril 2005 3:54

Mensagem por Lino »

Concordo!!

Avatar do Utilizador
Pedro
Administrador
Administrador
Mensagens: 12047
Registado: quarta-feira, 10 novembro 2004 20:07

Mensagem por Pedro »

Modernização em vez de Metro

Segundo apurou o DIÁRIO AS BEIRAS, o Governo vai avançar com a modernização da Linha da Lousã. O projecto irá decorrer por fases.

A secretária de Estado dos Transportes, Ana Paula Vitorino, reuniu na passada semana com o presidente da Câmara Municipal de Coimbra e comunicou a Carlos Encarnação a intenção do Governo em avançar com a modernização, por fases, da linha da Lousã. Ou seja: o projecto do metro ligeiro de superfície (MLS), segundo fonte da secretaria de Estado, fica a aguardar dias melhores.

Contactado pelo DIÁRIO AS BEIRAS, Carlos Encarnação aguarda as explicações do Governo sobre o projecto, não retirando uma vírgula à posição que é defendida pela Câmara Municipal de Coimbra. O autarca confirma o encontro com Ana Paula Vitorino em que foi analisado o destino das verbas para as últimas expropriações na Baixa de Coimbra e que, segundo Encarnação, “o Governo desviou para outras aplicações”.

O presidente da Câmara Municipal “fica à espera” das explicações do executivo de Sócrates e reafirma que “o projecto do metro ligeiro de superfície” é absolutamente fundamental” para a cidade. “A Câmara de Coimbra é sócia de uma empresa que se chama Metro Mondego e não do ramal da Lousã”, acrescentou.

Por outro lado, a fonte da secretaria de Estado dos Transportes recusou “entrar em grandes explicações” sobre o projecto, não confirmando a presença da própria secretária de Estado dos Transportes, Ana Paula Vitorino - o Estado é o accionista maioritário - na Assembleia Geral da Metro Mondego agendada para hoje.

Carlos Encarnação disse à Lusa que o município vai reafirmar na reunião de accionistas que o empreendimento deve ser retomado pelo Governo, “respeitando as condições” do concurso público anulado em Maio de 2005. “A Câmara Municipal de Coimbra vai defender o que já defendeu várias vezes”, sublinhou o social–democrata Carlos Encarnação, também presidente da mesa da assembleia–geral da sociedade.

Na reunião de accionistas, na sede da MM, em Coimbra, a Câmara da Lousã apostará no metro como a melhor solução para o Ramal da Lousã (Coimbra B–Serpins), apesar de alguns autarcas e dirigentes do PS da Lousã terem admitido já um recuo na defesa do projecto. Recorde–se que António Marçal, presidente da Junta de Freguesia da Lousã, passou a exigir, em Novembro do ano passado, a modernização e electrificação do Ramal da Lousã, tal como tem sido defendido localmente pelos restantes partidos com assento parlamentar (BE, CDU, CDS–PP e PSD). Idênticas posições são defendidas pelo Movimento Cívico de Lousã e Miranda do Corvo e pela Comissão de Utentes do Ramal da Lousã. “Não podemos continuar eternamente à espera” do metro, disse António Marçal, “número três” da Comissão Política Concelhia do PS.

O autarca admitiu que a mudança de posição face ao projecto do MLS, que nunca passou do papel, além de algumas demolições de prédios na Baixa de Coimbra, é partilhada pela maioria dos dirigentes locais do partido e “está de acordo” com a política do Governo de José Sócrates para a área dos transportes ferroviários.

Na campanha das autárquicas de Outubro, o presidente da Câmara da Lousã e líder concelhio do PS, Fernando Carvalho, revelou a existência de vários contactos com a secretária de Estado dos Transportes, Ana Paula Vitorino, a quem pedira para que fosse alterada a legislação que rege a empresa Metro Mondego. Tais alterações legislativas, explicou, em entrevista à rádio Lousã FM, permitiriam avançar com a modernização, electrificação do Ramal da Lousã e compra de moderno material circulante.

Pela primeira vez, o PS da Lousã retirou o projecto do MLS do programa eleitoral, que nos últimos 12 anos foi assumido como prioridade no campo das acessibilidades. Carlos Encarnação acusou na altura Fernando Carvalho de ter “uma ‘combinata’ com o Governo” nesta matéria.

Na passada segunda–feira, na reunião semanal do executivo camarário da Lousã, os dois vereadores do PSD, Pedro Curvelo e Filipe Soares, apresentaram uma proposta que previa o abandono da MM por parte do município, que foi rejeitada, preconizando “uma intervenção no ramal com investimentos ao nível da segurança do traçado, do material circulante e na remodelação das estações”.

No dia 28 de Dezembro, a Assembleia Municipal da Lousã, por proposta do Bloco de Esquerda, aprovou a criação de uma comissão para organizar as comemorações dos 100 anos do Ramal da Lousã, onde os comboios começaram a circular no dia 16 de Dezembro de 1906.

A MM, empresa de capitais exclusivamente públicos, congrega o Estado, como accionista maioritário (53 por cento), os municípios de Coimbra, Miranda do Corvo e Lousã (cada um com 14 por cento), além da CP e da REFER, estas com representação minoritária.

Em Setembro, escassas semanas antes das eleições autárquicas, composições ferroviárias usadas noutras linhas (Unidades Duplas a Diesel, UDD) começaram a circular no Ramal da Lousã, substituindo algumas das antigas automotoras “Allan”, remodeladas após 1999.

Fonte: As Beiras
E parece que ficámos mesmo sem metro. :?

Dracula
Experiente
Experiente
Mensagens: 273
Registado: segunda-feira, 28 março 2005 12:17

Mensagem por Dracula »

Com este governo, era de esperar o quê? :evil: Aliás, com qualquer governo deste país, pois este país é só Lisboa, Porto e o resto é paisagem :evil:

Avatar do Utilizador
Lino
Mítico
Mítico
Mensagens: 8082
Registado: quinta-feira, 14 abril 2005 3:54

Mensagem por Lino »

Coimbra é cidade de estudantes e pronto... :roll:
E o país é só Lisboa e o Porto, mas mesmo o metro de superfície do Porto já esteve em risco de ter os fundos cortados. E numa cidade confusa como aquela... :roll:

Dracula
Experiente
Experiente
Mensagens: 273
Registado: segunda-feira, 28 março 2005 12:17

Mensagem por Dracula »

E as derrapagens nas obras do metro do Porto davam para fazer o metro de Coimbra :evil: