Página 30 de 32

Enviado: quarta-feira, 12 março 2008 0:48
por rigor
daniel322 Escreveu:Na minha opinião a escolha seria entre o Humberto Coelho ou o Malesani. :wink:
Alberto Malesani "parte a loiça toda" numa conferência de imprensa após um jogo:
http://www.youtube.com/watch?v=CQm9RJfoVoA

Enviado: quinta-feira, 13 março 2008 2:01
por Realeza
A exibição foi melhor que o resultado e melhor sem camacho.

Alguém confirma :?: Só via um bocado do jogo quando tinha intervalo das aulas.

Enviado: quinta-feira, 13 março 2008 12:03
por alvarovaz
Realeza Escreveu:A exibição foi melhor que o resultado e melhor sem camacho.

Alguém confirma :?: Só via um bocado do jogo quando tinha intervalo das aulas.
confirmo que foi um bocado melhor mas no entanto há muito que melhorar. Um dos aspectos que o Benfica tem a melhorar é a forma como ataca. Neste momento o benfica ataca com uma lentidão impressionante, falta velocidade no jogo de ataque. Alguém concorda comigo???

Enviado: quinta-feira, 13 março 2008 14:24
por Yagami
Realeza Escreveu:A exibição foi melhor que o resultado e melhor sem camacho.

Alguém confirma :?: Só via um bocado do jogo quando tinha intervalo das aulas.
Eu acho que não conseguiram jogar tão bem como na 2ª parte do outro jogo. Muito, muito lentos a atacar e sem velocidade para acompanhar os contra-ataques do Getafe. O Edcarlos e o Karagounis eram sempre ultrapassados em corrida pelos avançados. O Getafe defendia com a equipa quase toda e o Nuno Gomes e o Makukula quase não se mexiam. Principalmente o Makukula, que ficava à espera que a bola lá fosse ter. O Nuno Gomes ainda descia de vez em quando a tentar buscar jogo. Aquilo lá à frente só animou quando entrou o Mantorras, mas quando o resto da equipa não se mexe...

Enviado: quinta-feira, 13 março 2008 17:12
por Realeza
Uma coisa que notei foi a troca de bola, passaram mais no chão do que no ar. Com Camacho preferia futebol de rua, bola no ar e no chão muito pouco.

Enviado: quinta-feira, 13 março 2008 20:11
por alvarovaz
Yagami Escreveu:
Realeza Escreveu:A exibição foi melhor que o resultado e melhor sem camacho.

Alguém confirma :?: Só via um bocado do jogo quando tinha intervalo das aulas.
Eu acho que não conseguiram jogar tão bem como na 2ª parte do outro jogo. Muito, muito lentos a atacar e sem velocidade para acompanhar os contra-ataques do Getafe. O Edcarlos e o Karagounis eram sempre ultrapassados em corrida pelos avançados. O Getafe defendia com a equipa quase toda e o Nuno Gomes e o Makukula quase não se mexiam. Principalmente o Makukula, que ficava à espera que a bola lá fosse ter. O Nuno Gomes ainda descia de vez em quando a tentar buscar jogo. Aquilo lá à frente só animou quando entrou o Mantorras, mas quando o resto da equipa não se mexe...
O KARAGOUNIS??????????? TÁS UM BOCADO DESACTUALIZADO NOS JOGADORES LOL

Enviado: sexta-feira, 14 março 2008 0:14
por Yagami
alvarovaz Escreveu:
Yagami Escreveu:
Realeza Escreveu:A exibição foi melhor que o resultado e melhor sem camacho.

Alguém confirma :?: Só via um bocado do jogo quando tinha intervalo das aulas.
Eu acho que não conseguiram jogar tão bem como na 2ª parte do outro jogo. Muito, muito lentos a atacar e sem velocidade para acompanhar os contra-ataques do Getafe. O Edcarlos e o Karagounis eram sempre ultrapassados em corrida pelos avançados. O Getafe defendia com a equipa quase toda e o Nuno Gomes e o Makukula quase não se mexiam. Principalmente o Makukula, que ficava à espera que a bola lá fosse ter. O Nuno Gomes ainda descia de vez em quando a tentar buscar jogo. Aquilo lá à frente só animou quando entrou o Mantorras, mas quando o resto da equipa não se mexe...
O KARAGOUNIS??????????? TÁS UM BOCADO DESACTUALIZADO NOS JOGADORES LOL
Karagounis, Katsouranis, é quase a mesma coisa :p Por acaso a meio do jogo lembrei-me do Karagounis e da falta que fazia ali no meio campo.

Enviado: segunda-feira, 17 março 2008 17:00
por Miguel_Silva

Código: Selecionar todos

Futuro de Chalana discutido hoje na Luz
REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DA SAD
	
		
		
A liderança técnica da equipa será hoje inevitável tema de discussão na reunião do Conselho de Administração da Benfica SAD, sendo que o futuro de Chalana está em equação por parte de Vieira e seus pares.

A solução de transição não colocou a equipa no rumo das vitórias e existe quem defenda a contratação de um novo técnico quanto antes, para que o Benfica possa ainda garantir os objectivos por que luta até final da época: acesso directo à Champions e Taça de Portugal.

Assim volta a ganhar força a hipótese Jorge Jesus, técnico cuja contratação seria mais fácil de garantir do que Malesani, um estrangeiro que não conhece bem a liga portuguesa e que deverá ficar no Empoli até ao final da prova italiana. De qualquer forma, são muitas as hipóteses e a solução está em aberto, inclusive a continuidade de Chalana.

O facto de o campeonato parar 15 dias para a realização da final da Taça da Liga é um argumento a favor da troca. Até porque os resultados em Getafe e Madeira não deixam saudades e as experiências de Chalana não deram resultado.

A decisão, obviamente, passará também pela posição de Rui Costa, o futuro director desportivo do Benfica.
by: http://www.record.pt/noticia.asp?id=779488&idCanal=11

Enviado: segunda-feira, 17 março 2008 17:05
por banjix
A minha opinião é que, venha quem vier, a situação do Benfica não se vai alterar significativamente. Esteja lá o Chalana ou outro qualquer, nesta altura do campeonato, as mudanças terão pouco efeito.

Enviado: segunda-feira, 17 março 2008 17:07
por Miguel_Silva
Carlos Queiroz distante da Luz
TÉCNICO DIZ TER "DESAFIOS" À SUA FRENTE NO UNITED



Carlos Queiroz, treinador português adjunto de Alex Ferguson no Manchester United, deu ontem a entender ter projectos futuros no clube inglês, descartando a possibilidade de trabalhar no Benfica, emblema para o qual foi apontado recentemente entre os vários nomes lançados depois da demissão de José Antonio Camacho.

“Não posso dizer nunca, mas não existem quaisquer negociações ou conversas”, disse Queiroz. “O Benfica já esteve interessado em mim no passado mas estou no Manchester United e tenho muitos mais desafios à minha frente”, prosseguiu.

Recorde-se que o português é frequentemente apontado como sucessor de Ferguson na liderança dos devils, quando o escocês finalmente abraçar a reforma. Depois de Manchester, Queiroz só deixou os ingleses para treinar o Real Madrid uma temporada.


http://www.record.pt/noticia.asp?id=779116&idCanal=11

Enviado: segunda-feira, 17 março 2008 17:13
por daniel322
Recorde-se que o português é frequentemente apontado como sucessor de Ferguson na liderança dos devils
exacto, alguma vez ele deixava o Man Utd numa altura em que cada vez mais se adivinha a saída do Ferguson?..

Enviado: sexta-feira, 21 março 2008 15:51
por Realeza
http://www.abola.pt/wset/wfotosdia/pagina.html

Parece que já decidiram quem querem como treinador, Queiroz ou italiano :!:

Enviado: sexta-feira, 21 março 2008 18:44
por Chong Li
Ou então o Mourinho :!:

Enviado: sábado, 22 março 2008 15:13
por Realeza
Zaccheroni tem o perfil desejado pela SAD

Alberto Zaccheroni tem o perfil desejado pelos dirigentes do Benfica para orientar a equipa na próxima temporada.

Segundo O JOGO apurou, o treinador italiano enquadra-se perfeitamente naquilo a que os responsáveis encarnados definiram como treinador ideal para devolver os títulos do passado ao clube. O nome do treinador italiano está, pois, no topo de preferências dos dirigentes benfiquistas e, claro, de Rui Costa, que ainda não assumiu a liderança do futebol profissional oficialmente, mas, como O JOGO referiu em tempo oportuno, irá ajudar (decidir) na contratação do futuro líder técnico da Luz.

Sendo um estudioso do futebol, adepto do rigor táctico - próprio da escola italiana - e defensor do trabalho, Zaccheroni reúne um perfil consensual junto dos principais elementos do Benfica, ainda recordados do êxito de Giovanni Trapattoni (conquista do Campeonato em 2004/05), sustentado num equilíbrio táctico considerado notável para os recursos que tinha. A aposta encarnada será a longo prazo - treinador de longa duração para evitar erros do passado -, sendo certo, também, que, caso o ingresso de Zaccheroni, não seja concretizado, o treinador eleito terá obrigatoriamente de ter as mesmas características do italiano.

Esta não é a primeira ocasião em que o nome de Alberto Zaccheroni - actualmente sem clube - entra nas cogitações dos responsáveis encarnados. Aliás, antes mesmo da chegada de Giovanni Trapattoni, em 2004/05, o seu nome foi equacionado para suceder a... José António Camacho.

Defensor do rigor táctico em campo, Zaccheroni não terá dificuldades em adoptar o 4x3x3 - modelo pretendido pelos responsáveis encarnados para a próxima época -, embora se tenha destacado no "calcio" com um sistema 3x4x3 que tão bons frutos lhe deu na Udinese - atingiu o terceiro lugar e foi à pré-eliminatória da Liga dos Campeões. Trabalho que chamou a atenção de todos, valendo-lhe a passagem pelo AC Milan.

A decisão final será tomada por Luís Filipe Vieira, em consonância com Rui Costa, que conhece muito bem as qualidades de Zaccheroni, devido ao seu longo percurso no Calcio.

EQUIPA TÉCNICA

Stefano Agresti, treinador-adjunto

Paolo Baffoni, preparador-físico

Maurizio Guido, treinador de guarda-redes
Carlos Martins em fase de estudo

Carlos Martins está na lista do emblema da Luz para a próxima época. Ao que O JOGO apurou, o trajecto do talentoso médio luso no Recreativo de Huelva tem sido atentamente seguido pelos responsáveis encarnados, que já têm o nome do internacional português em conta para reforçar a versão 2008/09 do meio-campo benfiquista.

A SAD vê no ex-jogador leonino uma boa solução para o sector intermediário, que contará, na próxima época, com outros dois reforços: Fellipe Bastos - já poderá ser inscrito no plantel principal, depois de cumprir meia época de trabalho a treinar-se com os seniores - e Rúben Amorim. Ora, tendo em conta o triângulo que se pretende olear no meio-campo - o sistema táctico preferencial na próxima campanha será o 4x3x3 -, o internacional sub-17 brasileiro pode alinhar como elemento mais recuado e o (ainda) belenense como interior-direito. Na zona interior esquerda, Carlos Martins assentaria como uma luva, sendo que pode desempenhar igualmente as funções de organizador de jogo. Tem, pois, perfil para ser o sucessor de Rui Costa.

Os dirigentes procuram um elemento com estas características para o "miolo", e é nesse sentido que Martins é um nome a ganhar cada vez mais força. Além disso, é sabido que um dos objectivos na constituição do plantel da próxima época será dotar a equipa de mais portugueses, numa tentativa de reduzir o investimento em jogadores estrangeiros.

Afinal, os dirigentes benfiquistas querem agora apostar mais na "prata da casa" e no talento lusitano.
Seria um excelente treinador para o Benfica. O Carlos Martins será jogador para o Benfica com características semelhantes ao Maestro :?:

Enviado: sábado, 22 março 2008 20:11
por daniel322
concordo que o Benfica contrate um treinador de topo e a longo prazo.. senão voltam à estaca zero..

quanto ao carlos martins, arruaceiros já lá há muitos, não é preciso mais um :roll: